segunda-feira, 15 de abril, 2024
26.1 C
Natal
segunda-feira, 15 de abril, 2024

Aneel desfaz impasse entre parques

- Publicidade -

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) reconheceu que não há coincidência das áreas dos projetos de parques eólicos Miassaba III (50,4 MW) e Alegria II (110,8 MW), ambos localizados em Guamaré (RN). Com isso, a agência confirmou, na reunião de diretoria de ontem, a adjudicação do projeto Miassaba III entre os vencedores do leilão de energia eólica realizado pelo governo federal em dezembro último (leilão 03/2009). Miassaba III é controlado pela Bioenergy, Furnas, Eletronorte e J. Malucelli.

“O tempo todo estivemos seguros de que nosso projeto atendia a todas as condições exigidas para contratação”, afirma Sérgio Marques, diretor-presidente da Bioenergy. A expectativa agora é que o contrato de fornecimento de energia possa ser fechado nas próximas semanas, conforme previsto para todos os projetos vencedores do leilão de dezembro. Mas, caso o atraso na adjudicação cause prejuízos ao desenvolvimento do projeto, o consórcio já estuda possíveis ações judiciais para ser ressarcido. “Temos a posse da área desde o início de 2008. Estamos medindo ventos há mais de dois anos, a área se encontra cercada, devidamente delimitada”, lembra Marques.

Alegria II foi contratado no ano de 2004 por meio do Programa de Incentivo às Fontes Alternativas de Energia Elétrica (Proinfa) e pertence à Multiner, por meio de sua subsidiária New Energy Options Geração de Energia. O projeto inicial previa que o parque fosse construído na mesma localidade posteriormente comprada para a Miassaba III. Porém, o projeto Alegria II foi alterado para outra área, no mesmo município.

- Publicidade -
Últimas Notícias
- Publicidade -
Notícias Relacionadas