domingo, 14 de abril, 2024
28.1 C
Natal
domingo, 14 de abril, 2024

AS PPPs são a alternativa mais viável para desenvolvermos o turismo e as potencialidades do nosso destino

- Publicidade -

Abdon Gosson

Presidente da ABIH-RN

As Parcerias-Público-Privadas (PPPs), tem aquecido o trade turístico potiguar nos últimos dias. Com a lei aprovada e regulamentada no Rio Grande do Norte, vislumbramos novas possibilidades para desenvolver as potencialidades do nosso destino.


Como presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do RN (ABIH-RN), participo das discussões em torno do assunto e acredito que precisamos unir forças das entidades do setor, poder público e iniciativa privada, para tornar o estado um destino de destaque nacional e internacional.


Desta forma, enumerei por ordem de importância, as estruturas turísticas que devem ser contempladas com as PPPs. Começo pelo Forte dos Reis Magos, que necessita de atrativos com uso da tecnologia, reforço na segurança e ampliação do funcionamento do local.


O Morro do Careca, um cartão-postal de nossa cidade, também merece atenção. A ideia é viabilizar um projeto já existente de acesso ao local, por meio de um bonde funicular, para proporcionar uma subida confortável aos visitantes e turistas, integrando à paisagem e oferecendo uma viagem cênica até o topo. Obviamente, a preservação ambiental é indispensável.


Para o turismo corporativo e o fortalecimento do destino Natal, em especial na baixa estação, o foco é o Centro de Convenções, que necessita de investimentos em tecnologia e melhorias na estrutura para se monetizar com uma pauta de grandes eventos.


No contexto histórico, destaco o Museu da Rampa. O projeto precisa de finalização com a inclusão de área gastronômica, passeios de barco saindo e chegando ao local, além de outros atrativos para o turista e população.


O projeto do Vale das Cascatas, atual Costeira Parque, na Via Costeira, foi aprovado há anos, elaborado para transformar o local em um parque multiuso, ainda não foi concretizado.


Saindo de Natal, o Cajueiro de Pirangi merece uma reorganização na área das lojas, para deixar a estrutura mais atrativa e sustentável economicamente.


Indo para o Litoral Norte, especificamente Genipabu, cito um projeto existente no Idema, que contempla a reurbanização da parte superior com lojas, centro cultural, lanchonete e outras atividades, preservando a fauna e flora.


Para o turista que opte por um contato mais próximo da natureza, destaco o Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte, que precisa ter sua arquitetura valorizada, afinal foi idealizada por Oscar Niemeyer, com áreas para exposições, restaurantes e atividades. Sem esquecermos do Parque das Dunas, que merece um reforço na segurança e a criação de novos espaços.


Agora vamos falar da Cidade da Criança, que necessita receber investimentos em segurança, limpeza, despoluição da lagoa, além da criação de espaços modernos e interativos.


Finalizo com à Praça Augusto Severo, que precisa de melhorias na infraestrutura com segurança, acessibilidade, paisagismo e um calendário com atrações culturais.


São várias contribuições que temos feito e continuamos à disposição para atuarmos juntos em prol do desenvolvimento turístico do nosso estado. Contem com a ABIH-RN para essa missão.

- Publicidade -
Últimas Notícias
- Publicidade -
Notícias Relacionadas

PERSE