segunda-feira, 17 de junho, 2024
23.1 C
Natal
segunda-feira, 17 de junho, 2024

Negação

Itamar Ciríaco
[email protected]

O fim de semana sem futebol local teve disputa nas redes sociais depois que um documento, vazado (não houve contestação se o papel é real ou não), apontava para uma provável cobrança de mais de R$ 1 milhão da SAF em relação à Associação América. O assunto por si só chama a atenção, mas o que mais me deixou curioso foram os comentários da maioria de torcedores americanos irritados com a revelação do fato em si.

Na psicologia isso tem um nome: NEGAÇÃO. A negação é um dos muitos mecanismos de defesa do ego cujo principal objetivo é proteger o indivíduo de uma realidade ou verdade dolorosa. Assim, para evitar entrar em choque ou ter o psicólogo abalado, o indivíduo entra em negação. Essa decisão é tomada inconscientemente, por isso, o indivíduo tem dificuldade para perceber o seu comportamento. Quando ele se dá conta do que está fazendo, a tendência é ignorar os aspectos prejudiciais desse mecanismo de defesa e continuar em negação. Segundo psicólogos, isso acontece porque não se tem o conhecimento de como lidar bem com a negação.
Ou seja, para esse torcedores, o melhor mesmo seria não saber o que está acontecendo com seu clube pois essa notícia, em tese seria ruim e isso poderia estragar o bom momento vivido pelo Alvirrubro. Mas, amigos (as) saber das coisas nunca foi ruim, muito pelo contrário. Na realidade, essa relação Associação x SAF precisa ser transparente sob todos os aspectos.
Não vejo como isso possa gerar crise ou prejudicar o Alvirrubro. Na verdade, se não houver fiscalização, debate, contestação, o futuro pode ser sombrio. Cabe à Associação fiscalizar as atividades da SAF. O mesmo digo em relação ao Conselho Deliberativo do clube. Esses precisam ficar atentos e trabalhar na resolução dos problemas, de forma consensual e construtiva, sem ruídos ou desavenças. Saber nunca é muito.

Definição

A contribuição de Francisco Diá pode ser excelente para a formação de um novo elenco no ABC para a Série C do Campeonato Brasileiro. No entanto, o tempo é curto e o clube precisa definir as atribuições reais dele para evitar o risco de conflitos com o treinador Marcelo Cabo. Afinal, Diá é técnico de carteirinha.

Bases

A LALIGA Academy Schools Brasil, escola oficial da liga espanhola de futebol em Natal, realiza nesta terça, dia 16 de abril, uma seletiva em que crianças e jovens com idades entre 5 e 16 anos vão ser avaliados para concorrer a bolsas de até 100% na entidade. A atividade é aberta e gratuita e acontece no campo do SEST-SENAT, no prolongamento da av. Prudente de Morais, no bairro Pitimbu, das 18h às 21h. O objetivo é formar as seleções LALIGA Academy que vão participar de competições nas categorias sub-06, sub-08, sub-10, sub-12, sub-14 e sub-17. A seletiva vai ser realizada pelo diretor técnico da LALIGA Academy Schools Brasil, o espanhol Víctor González Carrera, ex-treinador das categorias de base do Real Madrid e de projetos sócio desportivos e de desenvolvimento social da fundação mantida pelo clube da Espanha. Serão cerca de 40 bolsas para as equipes de futebol. A escola da LALIGA tem metodologia espanhola e acompanhamento direto de diretores técnicos espanhóis, com professores capacitados pela própria liga de futebol da Espanha.

Livro

O livro “João Paulo, o Papa da Bola” será lançado na próxima quinta-feira (18/04), às 18h, na Gol Mania Store, localizada no Partage Norte Shopping, em Natal/RN. O autor Paulo Nascimento e o craque João Paulo estarão presentes. A pré-venda ainda está disponível, COM PREÇO PROMOCIONAL (até dia 17/04), no www.edprimeirolugar.com.br/papa. Se preferir, você pode solicitar seu pedido ao assistente virtual, o Plugar. Basta acessar www.contate.me/plugar e seguir os passos.

Estadual Sub-17

A Federação Norte-Rio-Grandense de Futebol convoca os clubes filiados interessados em participar do Campeonato Potiguar Sub-17 2024, para a segunda reunião do *Conselho Técnico da competição a ser realizado nesta terça-feira (16), às 14h30 na sede da FNF. Na ocasião, serão definidos o número de participantes, forma de disputa, tabela e demais itens referentes à competição.

Estrangeiros

O futebol brasileiro alcançou a marca histórica de 300 atletas estrangeiros registrados no Boletim Informativo Diário (BID). O número leva em consideração todo o universo do esporte no país, desde divisões amadoras, de base até os campeonatos nacionais de maior expressão. No Brasileirão Betano, houve um crescimento de 45,5% – aumentou de 101 para 147 inscritos neste ano. Já a parcela desses atletas na Série B teve o acréscimo exponencial de 181,25%, saltando de 16 para 45 jogadores de fora do país. Entre os países com mais representantes no Brasil, estão a Argentina, com 43 atletas, seguida de Uruguai (28), Colômbia (19) e Paraguai (13). Para a Série A do Campeonato Brasileiro, a CBF atendeu a um pleito dos clubes para aumentar o limite de atletas de fora do Brasil relacionados para uma partida, por cada equipe, subindo de sete para nove. O impacto disso pode não ser sentido de imediato, mas, no futuro, isso será percebido. Podemos ter algo positivo, como a melhora no profissionalismo dos nossos atletas, ou, negativamente, a falta de espaço para jovens talentos locais começarem a brilhar.

Os artigos publicados com assinatura não traduzem, necessariamente, a opinião da TRIBUNA DO NORTE, sendo de responsabilidade total do autor.

Últimas Notícias
Notícias Relacionadas