terça-feira, 20 de fevereiro, 2024
25.1 C
Natal
terça-feira, 20 de fevereiro, 2024

Segunda-feira tem Guaxinim

- Publicidade -

[instragram @alexmedeiros1959]

O bando do Bloco Guaxinim vai dar um grito de carnaval na segunda-feira, a partir das 16h no Átma Rooftopo, em Ponta Negra. É a festa “Guaxinim no Telhado”, que será animada às 19h pela Orquestra Potiguar de Frevo. Será a melhor e única opção de folia no bairro da Zona Sul, já que não haverá blocos desfilando. E com um diferencial incomparável: não paga ingresso, não paga reserva de mesa, não paga couvert e nem precisa comprar camisa ou abadá.

O Bloco Guaxinim surgiu em 2016 e desfilou pela primeira vez em 2017, de uma ideia repentina durante as farras boêmias no Largo do Atheneu, entre os bares Bombar e Between. Nasceu com o objetivo de juntar foliões e arrastá-los para o tradicional Baile de Máscara criado há três décadas no intuito de resgatar a folia de rua da cidade. E na quinta-feira mascarada de 2016, fui com confrades e comadres assistir o baile e os shows no palaque de Petrópolis.


A estória já contei aqui, sobre quando Jacqueline, minha mulher, fechou a cara, chateada com o que eu nunca soube o quê. E que Jânio Vidal tentou animá-la mostrando minha máscara do Zorro: “Parece é um Guaxinim”, disparou ela.

Ano passado o Guaxinim concentrou no Restaurante Don Nemesio, sua casamata carnavalesca oficial, e arrastou uns quinhentos foliões para o Baile de Máscara no Atheneu e foi devidamente recebido pelo prefeito Álvaro Dias.

Mas, agora em 2024, as obras na Rua Seridó inviabilizaram a armação do palco e também o baile, anulando a finalidade original do Guaxinim. Daí que o bloco fará a festa Guaxinim no Telhado, apenas para não passar em branco.

O Átma Rooftop já está decorado no clima do carnaval para receber na segunda-feira os bandos de guaxinins. A orquestra do maestro Radan Soares já ensaiou algumas das músicas do bloco que eu e Babal fizemos nesses anos.

E duas das cinco músicas que fizemos para o bloco, seguem abaixo para quem quiser aprender durante a execução no Átma Rooftop. Detalhe: a primeira letra contou também com Ricardo Campos, hoje vivendo na cena carioca.

FREVO DO GUAXINIM
(Babal, Alex, Ricardo Campos)

Vem nimim
Que eu to a fim
Eu sou do bloco
Do bloco do Guaxinim

Eu pulo e canto sim
No carnaval é assim
A colombina e o arlequim
Bombar ou no Between
Quero te dar beijin
E arrastar você pra mim

Eu sou o teu bichim
Assim bem peludin
Vem me assanhar
Que eu to a fim
Não vai ter tempo ruim
De hoje até o fim
É muito amor no Guaxinim

Natal do Guaxinim
(Babal – Alex Medeiros)

Vem Natal, vai por mim
o melhor do carnaval
tá no bloco Guaxinim

(repete)
Onde o sol acorda cedo
as dunas caem no frevo
e todo mundo fica a fim
o clarim dá um sinal
e as ruas de Natal
são do bloco Guaxinim

(refrão)
Faça chuva ou faça sol
em Petrópolis ou Tirol
Ponta Negra ou Alecrim
a turma brinca molhada
a festa mais animada
tá no bloco Guaxinim

(refrão)
No concreto ou no barro
sou Cascudo e sou Navarro
grandes filhos de Poti
a folia se agiganta
e Natal inteira canta
com o bloco Guaxinim

Na Praia O sábado de carnaval começa bem cedo com a Banda da Praia concentrando seus foliões a partir das 11h em Ponta Negra, de frente ao Hotel Praiamar. Depois faz arrastão pela beira-mar e vai para a apoteose no Morro do Careca.

Submarino Final da tarde também tem concentração do bloco Submarino Amarelo na loja Letra & Música, na Rua Floriano Peixoto. No começo da noite, em ritmo de Beatles, a banda arrastará a multidão para o palanque da Praça Pedro Velho.

Carecas A partir das 16h, o maior bloco da cidade, “Carecas, Poetas, Bruxas e Lobisomens” faz concentração na Praça dos Gringos, em Ponta Negra. E animado pelo Frevo do Chico, fará o tradicional percurso até o Praia Shopping.

Pela Ponte O sábado tem blocos para todos os gostos entre a Ponte de Todos. Nas Rocas tem Língua Ferina às 15h e Tô Dentro da 3ª Idade às 17h; Na Redinha tem Vice e Versa às 16h, Nunca Mais eu Bebo às 17h, e Troça do Carcará às 19h.

Centro e Sul Na Cidade Alta o Bloco do Zé Reeira concentra às 16h no bar homônimo e agita os foliões da fauna boêmia e cultural do Centro Historico. No mesmo horário, o Bloco Psyu vai puxar o cordão pelas ruas do bairro de Potilândia.

Kengas Domingo de Bloco das Kengas concentrado às 16h no Bardallos, com show de Valéria Oliveira, desfile das beldades do bloco e mais show às 21h30 com Juliana Linhares e Fafá de Belém. E a farra encerra com a orquestra de frevo.

Domingão Em Ponta Negra tem Suvaco do Careca às 15h30 no Gringos. Na Redinha às 12h tem As Raparigas na Praça do Cruzeiro; depois às 13h30 saem As Kengas de Tambores, seguidas pelo Sem Preconceito, às 16h, e Seu Boga, às 17h.

Os artigos publicados com assinatura não traduzem, necessariamente, a opinião da TRIBUNA DO NORTE, sendo de responsabilidade total do autor.

- Publicidade -
Últimas Notícias
- Publicidade -
Notícias Relacionadas