quinta-feira, 15 de fevereiro, 2024
25.1 C
Natal
quinta-feira, 15 de fevereiro, 2024

Ancelotti aponta os cinco melhores do mundo com Vini Jr, Rodrygo e mais três do Real Madrid

- Publicidade -

A sonora vitória do Real Madrid no sábado sobre o Girona pelo Campeonato Espanhol agradou demais o técnico Carlo Ancelotti a ponto de ele se render ao talento de seus jogadores. Não bastasse os 4 a 0 no marcador, o treinador italiano ainda viu a habilidade de estrelas como Vini Jr, Rodrygo e Bellingham aflorar. Em coletiva após a goleada, ele fez questão de exaltar os astros que compõem o milionário clube merengue e colocar cinco de seus principais atletas como os melhores do mundo, numa fila puxada pelo brasileiro Vini Jr.

“O topo do jogo”, descreveu Ancelotti quando questionado sobre a exibição de Vini Jr, que marcou o primeiro gol do duelo logo aos 6 minutos. “Vinicius é muito importante para nós quando ele joga como jogou neste nível e com essa atitude. Na minha opinião, ele é o melhor jogador do mundo.”

Jude Bellingham, de apenas 20 anos, também não foi esquecido por Ancelotti após a nova vitória. Pelo contrário. Ele tem sido a sensação do Real Madrid desde que chegou a Madri, em junho do ano passado. De lá para cá, o meia britânico despontou como um dos principais jogadores do planeta. Ainda é cedo, mas Ancelotti chegou até a compará-lo com Zidane pela facilidade com que joga futebol e toca na bola.

“Vini é o melhor jogador do mundo. Bellingham é o 2º e Rodrygo, o 3º. Kroos, o 4º, e Valverde, o 5º. Mbappé é o jogador de outra equipe. Os que eu tenho são os melhores”, disse Ancelotti.

“Tem coisas no jeito dele (Bellingham) jogar que lembra Zidane, é a qualidade extraordinária dele com a bola. Zidane pode até ter sido melhor tecnicamente, mas as combinações de Bellingham com sua chegada à área… No primeiro gol que ele marcou, foi um grande movimento. Há poucos jogadores no mundo que podem fazer este movimento no primeiro gol.”

O Real Madrid mostrou porque é gigante. O líder do Campeonato Espanhol não tomou conhecimento do rival, sensação do torneio, e goleou naquela que era considerada uma “final antecipada”, em partida válida pela 24ª rodada. Agora, o clube merengue soma 61 pontos contra 56 do modesto oponente catalão, que se mantém na vice-liderança, à frente do Barcelona, em terceiro.

Estadão Conteúdo

- Publicidade -
Últimas Notícias
- Publicidade -
Notícias Relacionadas