segunda-feira, 17 de junho, 2024
28.1 C
Natal
segunda-feira, 17 de junho, 2024

Cercas do Parque das Dunas passam por reforma

Em estágio de decomposição e com vários trechos com arames distorcidos e enferrujados, as cercas que circundam o Parque das Dunas na Via Costeira passarão por manutenção nos próximos meses. O contrato é de R$ 307 mil e as obras serão executadas pelo Instituto do Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema).


A ideia do cercamento é proteger o parque, que é uma Unidade de Conservação, de invasões de populares e transeuntes que circulam pela Via Costeira. Segundo Manoel Marques, fiscal da obra, o contrato prevê a substituição de estacas e de todo o arame farpado em praticamente toda a extensão da Via Costeira. A ordem de serviço foi assinada no último dia 08 de março e a previsão de entrega da obra é em julho.


“Vamos recuperar toda a cerca do Parque das Dunas na Via Costeira, começando no antigo restaurante Iguiza até o Centro de Convenções. São estacas em madeira plástica. As que estiverem com problema serão substituídas e vamos colocar todo o arame novamente. Vamos fazer um roço entre a cerca e a calçada”, cita.


O material utilizado na manutenção é o mesmo de quando as cercanias foram trocadas na última obra feita pelo Idema, em setembro de 2019. Antes, as cercas eram feitas de concreto armado, o que fazia com que o ferro oxidasse e aumentasse de tamanho, rachando seu componente. Atualmente, as cercas também possuem madeira em sua estrutura, mas são construídas a partir de resíduos de plástico e pó de madeira. O material é considerado ecologicamente correto e precisa ser enchido com areia e concreto para garantir sua sustentação.


Segundo nota enviada à TRIBUNA DO NORTE, o Exército Brasileiro disse que na área de sua responsabilidade promove fiscalizações feitas por meio de Patrulhas Patrimoniais executadas pelo 7º Batalhão de Engenharia de Combate, de Nova Descoberta.


“O 7º Batalhão de Engenharia de Combate, a quem cabe a fiscalização da área de responsabilidade do Exército, realiza constantemente patrulhas patrimoniais empregando, inclusive, dispositivos remotos tipo drone, para evitar invasões na área sob responsabilidade do Exército. Em linhas gerais, seguem-se as Diretriz para prevenção contra Invasão de Áreas da União sob jurisdição do Exército Brasileiro, do Comando de Operações Terrestres.


Criado em 1977, o Parque Estadual Dunas do Natal “Jornalista Luiz Maria Alves” é a primeira Unidade de Conservação do Rio Grande do Norte, e possui uma área de 1.172 hectares. O Parque das Dunas é considerado o maior parque urbano sobre dunas do Brasil e o segundo maior parque urbano do país, atrás apenas do Parque Dona Sarah Kubitschek, em Brasília. O parque natalense conta com uma área aberta ao público, o Bosque dos Namorados, além de trilhas abertas para os praticantes do turismo ecológico.

Últimas Notícias
Notícias Relacionadas