sábado, 25 de maio, 2024
29.4 C
Natal
sábado, 25 de maio, 2024

“Eles vão recorrer, mas acredito que a decisão será mantida”, diz promotora

Tiago Menezes – repórter

A promotora de Justiça Ana Márcia Machado, que atuou no júri popular, se disse satisfeita com as condenações de Andrei, Amilton e Mariana Thies e com as penas aplicadas. “Sim, era o esperado. Em relação à decisão dos jurados, sim. Era isso que eu esperava. Desde o início do julgamento eu me coloquei nesse sentido e esperava a condenação dos três nos dois crimes”, comentou a representante do Ministério Público.

#SAIBAMAIS#Ana Márcia Machado fez questão de frisar que a morte de Andreia teve três culpados e três vítimas. “As provas apontam para isso aí, para o homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver. Eles vão recorrer, mas acredito que a decisão será mantida.  E esse assassinato não teve apenas a Andreia como vítima. Além dela, há ainda a Andressa, que já sabe o que aconteceu com a mãe e sofre por isso; e a Andrielle, que quando crescer vai saber que o próprio pai matou a mãe da maneira tão cruel como foi”, disse.

Durante os debates, Ana Márcia pediu pena máxima para os três integrantes da família Thies. Após a sentença, a promotora comentou a decisão do júri. “Ocultação de cadáver, que é de um a três anos, eles pegaram dois. Homicídio, que é de 12 a 30, um pegou 16 anos e o outro pegou 16 anos e meio. A sentença se aproxima do normal. A justiça foi feita”, falou.

Últimas Notícias
Notícias Relacionadas