domingo, 18 de fevereiro, 2024
29.1 C
Natal
domingo, 18 de fevereiro, 2024

Entenda a importância da prevenção contra a Diabetes

- Publicidade -

No último dia 14 de novembro, foi comemorado o Dia Mundial e Nacional do Diabetes. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) Natal aproveitou a data para reforçar a importância de incentivar a divulgação de informações e dos cuidados para prevenir e tratar a doença.

O Diabetes Mellitus (DM) é uma doença crônica não transmissível, causada pela produção insuficiente ou má absorção pelo corpo de insulina, hormônio produzido pelo pâncreas que tem a função de quebrar as moléculas de glicose (açúcar) as transformando em energia para a manutenção das células do organismo. Em Natal, 39.189 pessoas estão registradas com algum tipo de diabetes, de acordo com dados de janeiro a outubro de 2023 do Prontuário Eletrônico do Cidadão (PEC).

Por ser uma doença crônica, se não tratada e avaliada corretamente pode desencadear diversos agravos à saúde. “A pessoa com diabetes em estágios mais avançados apresenta perda de sensibilidade da pele, uma das manifestações da neuropatia diabética e está associada à perda progressiva das fibras nervosas, sendo uma das complicações crônicas da doença, além de lesões e poder levar a amputações de membros, o que queremos reduzir, evitar que a pessoa chegue em um estado mais grave.”, comenta Maria da Luz Bezerra Cavalcanti Lins, enfermeira e coordenadora Núcleo de Prevenção e Tratamento de Pessoas com Lesões Dermatológicas, do Setor de Promoção da Saúde da SMS Natal.

A doença tem entre seus principais sintomas de alerta fome e sede excessiva e vontade de urinar várias vezes ao dia, porém, ela possui diversos tipos que apresentam características distintas que devem ser tratadas de acordo com suas especificidades. No Tipo 1, o sistema imunológico é o responsável por atacar e destruir as células que produzem a insulina. Já o Tipo 2 ocorre em cerca de 90% das pessoas com a doença, é caracterizada por resistência à insulina, quando o corpo não aproveita adequadamente a insulina produzida. Outro tipo importante é a do diabetes gestacional, que pode acarretar redução da ação da insulina durante a gestação.

Diversos fatores podem contribuir para o surgimento da doença, porém, a melhor forma de prevenção é manter hábitos saudáveis e realizar visitas regulares às unidades básicas de saúde, como reforça Chris Arenhaldt Assis, enfermeira responsável pelo Núcleo das doenças Crônicas Não Transmissíveis, do Setor de Promoção da Saúde da SMS Natal. “Não existe só uma questão que determina o surgimento da diabetes, são um conjunto de hábitos de vida que contribuem para o surgimento da doença, como estresse, inatividade física, alimentação inadequada. A pessoa pode ter a predisposição à diabetes, mas se tiver hábitos de vida saudáveis, não necessariamente ela irá desenvolver a doença”.

- Publicidade -
Últimas Notícias
- Publicidade -
Notícias Relacionadas