terça-feira, 18 de junho, 2024
27.1 C
Natal
terça-feira, 18 de junho, 2024

Reitora da Uern é eleita presidente de associação nacional de reitores

A reitora da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, Cicília Maia, foi eleita, nesta quinta-feira (23), presidente da Associação Brasileira de Reitoras e Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem), para o biênio 2024/2026, tendo a reitora Nara Fortes, da Universidade de Taubaté (Unitau), como vice-presidente. A potiguar substituirá o reitor da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), prof. dr. Odilon Máximo.

A eleição ocorreu durante o 71° Fórum Nacional de Reitoras e Reitores das Universidades Estaduais e Municipais, em Belo Horizonte. A posse será em agosto.

“Na construção da equipe gestora e da carta programa para próximo biênio tomamos como princípio base fortalecer todo o trabalho realizado por meio das universidades estaduais e municipais. Valorizando cada vez mais nossas características enquanto coletivo, dimensão, capilaridade e o real papel de nossos instrumentos de transformação social. Temos um papel fundamental nos próximos dois anos de dar visibilidade à Abruem por meio do que é realizado por todas as nossas afiliadas”, afirma a reitora.

Cicília Maia é a segunda reitora da Uern a presidir a Abruem. Antes dela, o ex-reitor Walter Fonseca presidiu a Associação, nos anos 2002 e 2004.

“É uma grande responsabilidade, tanto para ela como para a Uern. Há vinte anos, eu tive a honra de assumir essa tão importante função e a importância disso é a visibilidade, que a reitora Cicília terá e com ela, a Uern, nas interlocuções, nas conduções de trabalhos conjuntos, na representação junto aos órgãos públicos e da sociedade”, avalia o ex-reitor da Uern e ex-presidente da Abruem, Walter Fonseca.

A reitora Cicília Maia será a terceira reitora mulher a presidir a Associação. Fundada em 1991, a Abruem atua em 20 dos 27 estados brasileiros, e aglutina 45 universidades públicas, entre estaduais e municipais.

Últimas Notícias
Notícias Relacionadas