sábado, 15 de junho, 2024
23.1 C
Natal
sábado, 15 de junho, 2024

PM garante patrulhamento nos polos da festa da virada

O esquema de segurança e policiamento para a queima de fogos de ano novo na capital potiguar já foi definido. De acordo com comandante de policiamento da região metropolitana de Natal, coronel Zacarias Mendonça, o patrulhamento de policiais militares em todos os locais de shows e queimas de fogos está garantido. Além deles, agentes da Força Nacional também estarão patrulhando pelos pólos.
Queima de fogos teve mais tempo do que o esperado
#SAIBAMAIS#O número de policiais militares que estará patrulhando, no entanto, não foi revelado por questões de segurança, de acordo com o coronel, e ainda não se sabe se eles estarão fazendo o patrulhamento à pé ou com veículos, em virtude do mau estado em que se encontram muitas das viaturas.

Apesar de terem garantido a segurança durante as festividades, policiais militares prosseguem realizando a Operação Padrão. Desde o dia 19, tanto os militares como policiais civis não estão saindo às ruas da capital potiguar. Além do atraso no pagamento da folha salarial, os policiais alegam que não possuem as condições mínimas em termos de equipamentos e fardamentos para exercer seu trabalho de patrulhamento nas ruas.

Os policiais e bombeiros militares praças consideram legal a Operação Segurança com Segurança. “Não se trata de uma greve e, portanto, não é uma ação ilegal. O que existe é uma mudança de atitude de cada policial decidida individualmente. Os policiais e bombeiros estão em busca de dignidade em seu trabalho, com condições legais e financeiras adequadas para o serviço. E, acima de tudo, pensando em um serviço de segurança de qualidade para a população”, afirma o presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares (ASSPMBMRN), subtenente Eliabe Marques.

Sobre a continuidade da operação, Eliabe Marques ressaltou que não cabe à Associação “obrigar seus associados ao retorno normal das atividades”, como expedido em decisão do Tribunal de Justiça do RN neste domingo (24). No entanto, cabe ao Governo dispor de uma estrutura adequada para o trabalho, ressalta o presidente. “Temos que nos submeter à falta de condições materiais de trabalho todos os dias”, coloca o subtenente.

Os policiais militares e bombeiros não tem assembleia prevista para esta sexta-feira. Eles continuarão, segundo as associações, se apresentando nos quartéis e só retornam às ruas quando equipamentos e viaturas estiverem em ordem.

Últimas Notícias
Notícias Relacionadas