sexta-feira, 17 de maio, 2024
25.4 C
Natal
sexta-feira, 17 de maio, 2024

Notas & Comentários

- Publicidade -

[ [email protected] ]

Paulinho x Natália
A cobrança do imposto DPVAT, que havia sido extinta durante o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro agora está de volta. A Câmara dos Deputados aprovou na terça-feira (9) um projeto de lei que recria o seguro obrigatório para acidentes de trânsito, o DPVAT. Entre os pré-candidatos a prefeito de Natal, Paulinho Freire (União Brasil) votou contra e Natália Bonavides (PT) foi favorável a volta do imposto. A matéria representava uma aposta do governo Lula, que optou por renomear o seguro para SPVAT (Seguro Obrigatório para Proteção de Vítimas de Acidentes de Trânsito). A Caixa Econômica Federal será a responsável por pagar as indenizações. A proposta foi aprovada por 304 votos a favor e 136 contra. Agora, a matéria será analisada pelo Senado. Entre os daputados federais do RN, também votou contra a volta do imposto Sargento Gonçalves (PL). Foram favoráveis: Benes Leocádio (União), Mineiro (PT) e Robinson Faria (PL). João Maia (PP) e General Girão (PL), não estavam presentes.

Uber

A Associação dos Motoristas por Aplicativos do RN voltou a criticar o PLP 12/24, que regulamenta o trabalho dos motoristas por aplicativo no País. A entidade reforça que haverá impacto negativo na remuneração já fragilizada dos motoristas. Em entrevista à Tribuna Livre, na Jovem Pan News, representantes dos trabalhadores disseram que a proposta é favorável às plataformas.

Vai ao TSE
Ao menos no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, o senador Sérgio Moro (União) escapou da cassação. O placar ficou em 5 a 2. Os dois votos divergentes foram de desembargadores indicados por Lula.

Jornalistas

Em homenagem ao Dia do Jornalista, comemorado no último domingo (07), a Câmara Municipal de Natal realizou na terça-feira (09), sessão solene para entrega da Comenda Senador Carlos Alberto de Sousa a 22 profissionais da comunicação. Do Sistema Tribuna, foram agraciados o diretor de redação, Danilo Sá, e a apresentadora da Jovem Pan News, Liciane Viana.

Rota

A cidade turística onde os fugitivos de Mossoró embarcaram rumo ao Norte do país, Icapuí, no Ceará, tem pelo menos cinco pequenos portos de onde as embarcações saem para uma tradicional atividade do lugar, a pesca. As viagens marítimas para o Pará são comuns por lá e podem custar mais de R$ 15 mil.

Fogo amigo

O presidente da Petrobras, Jean-Paul Prates, há duas semanas sofre com o fogo amigo no Governo Lula 3. Neste período o PT do Rio Grande do Norte fico no mais completo silêncio. Nenhuma declaração pública de Fátima Bezerra, governadora, e dos deputados federais Mineiro e Natália. Ingratidão ou estratégia?

Tucano

O deputado estadual Nelter Queiroz (PSDB) se pronunciou no horário de lideranças, na ALRN, em defesa da permanência no cargo, do presidente da Petrobras, Jean Paul Prates. O deputado lembrou que ninguém da bancada do PT potiguar saiu em defesa do companheiro. Segundo Nelter, um apelo ‘suprapartidário’, devido a importância para o Rio Grande do Norte. “Jean Paul foi para a presidência da Petrobras com base em um currículo invejável”, disse Nelter, salientando que quando senador, Prates relatou e foi autor de projetos importantes para o RN e para o Brasil. “Como senador do RN ele encaminhou mais de duzentos milhões de reais em emendas para todos os municípios do estado”, lembrou o parlamentar.

Sobrevida
Presidente da Petrobras, Jean Paul Prates começou a descer do talhado onde subiu há duas semanas, após Lula recusar audiência. Mas, pode ser salvo pela tentativa do Planalto de fingir que não interfere na estatal.

Água

Maior reservatório hídrico do Rio Grande do Norte, a barragem Armando Ribeiro Gonçalves chegou a 70,9% da capacidade total, o que representa o maior volume de água registrado desde 2012.

Democracia

O democrático X (ex-Twitter) leva tão a sério o direito à liberdade de expressão que ativistas oportunistas xingam seu dono e pregam seu fechamento sem o risco de serem banidos. Já xingar ministro do STF…

Febrac

Presidente Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação (Febrac), o potiguar Edmilson Pereira recebe em Florianópolis (SC) lideranças nacionais que vão participar do Encontro Nacional das Empresas de Asseio e Conservação – ENEAC 2024, entre as quais o ministro do Trabalho, Luiz Marinho. Atualmente o setor tem 45 mil empresas, que empregam mais de 2,5 milhões de trabalhadores brasileiros.

Os artigos publicados com assinatura não traduzem, necessariamente, a opinião da TRIBUNA DO NORTE, sendo de responsabilidade total do autor.

- Publicidade -
Últimas Notícias
- Publicidade -
Notícias Relacionadas